Didrik Galasso


(PT) O instinto nórdico de explorador e o apetite por diversão tipicamente tropical caracterizam a personalidade do Didrik Galasso, o skatista norueguês que tem uma forte ligação com o Brasil.

(EN) The Nordic instinct and appetite for tipically tropical fun make the personality of Didrik Galasso, norwegian skater who has a strong connection to Brazil.

Interview by Marlon D. Oliveira.
iPhone photos by Thaynan Costa.

OYE_Didrik-Galasso-interview_portrait-by-Thaynan-Costa(PT) What’s up Deedz?! Neste momento, você está em Lisboa… Onde você estava antes e para onde você vai depois?

Hey, what’s up Marlon?! Sim, estou aqui em Lisboa (Cascais) agora, visitando o Thaynan (Costa), curtindo o bom clima quente! Super feliz em estar aqui!

Eu estava aqui há 2 semanas, mas tive que voltar de imediato. Adoro isso aqui. Bons amigos, açaí, skatepark e lugares super agradáveis para relaxar um pouco. Depois disso, estou indo a Barcelona, depois Paris. Depois de Paris, pretendo ficar um pouco em casa, na Noruega, para tentar filmar algumas coisas por lá e ficar um pouco com a família

Muitos skatistas ficam em suas zonas de conforto a maior parte do tempo, enquanto outros são como você, estão sempre viajando. O que motiva você a fazer uma skate trip, sozinho ou com amigos?

Eu acho que o que me motiva a viajar é que eu realmente gosto de ver novos lugares, conhecer pessoas novas, andar de skate em novos picos e comer diferentes comidas em todo o mundo. Eu realmente não gosto de ficar preso num lugar, eu gosto de me mover!

(EN) What’s up Deedz? Right now, you’re in Lisbon… Where were you before? And where are you going next?

Hey what’s up Marlon?! Yes, am here in Lisbon (Cascais) now, visiting Thaynan enjoying the nice warm weather! Super stoked to be here!

I was here 2 weeks ago, but i had to come back straight away. I love it out here. Good friends, Açai, skateparks and super nice places to relax a bit. Afterwards I’m going to Barcelona, then Paris. After Paris I’m gonna try to stay a while at home, in Norway, trying to film some stuff over there and stay with the fam

Many skateboarders stay in their comfort zones most of the time, while others are just like you, they are always traveling. What motivates you to do a skate trip, alone or with friends?

I think what motivates me to travel that much is that I really like to see new places, meet new people, skate new spots and eat different food around the world I don`t really like to get stuck in one place, I like to move!

OYE_Didrik-Galasso-interview_photo-by-Thaynan-Costa-road-01(PT) Como foi andar de skate no gelo, como vimos no curta-metragem “NORTHBOUND” ?

Essa foi uma experiência super divertida. Na verdade, quando estávamos lá, eu meio que odiava aquilo. Estava tão frio, havia apenas 5 horas de luz do dia e ficamos lá por cerca de 10 dias. Mas agora, quando eu olho para trás, foi muito divertido, uma experiência realmente fantástica. Vimos tantas coisas legais lá em cima, as luzes do norte, as águias, etc.

Você já conhecia aquela região da Noruega?

Não, eu nunca estive tão longe ao norte antes, então foi ótimo ver como é a paisagem lá em cima.

Mas o Sudoeste Europeu e a Costa Oeste Americana são mais atraentes, não é mesmo?

Com certeza. Você realmente não consegue comparar nada com o norte da Noruega, é lindo lá em cima. Mas, pessoalmente, prefiro um lugar mais quente, onde eu posso andar de skate  !

(EN) How was skating on frozen sand as we saw in the short film “NORTHBOUND” ?

That was a super fun experience, actually when we were up there I kinda hated it. It was so cold, there was only like 5 hours of daylight and we stayed up there for around 10 days. But now when I look back it was so much fun, a really great experience. We saw so many cool things up there, the northern lights, eagles, etc.

Did you already know that part of Norway?

No I had never been that far north before so it was great to see how the landscape was up there.

But the Southwest European and the US West Coast are more attractive, aren’t they?

Yes for sure, but you can`t really compare anything to north of Norway it`s beautiful up there. But personally I prefer a warmer place where I can skate  !

NORTHBOUND_Behind-the-ScenesNORTHBOUND – Behind the Scenes

(PT) Aparentemente, além do clima quente, a diversão também é fundamental para o seu skate.

Sim, a diversão tem um papel importante no skate, é o que me faz querer e fazer isso todos os dias. Eu amo isso! Você com os seus amigos andando de skate o dia todo, se divertindo nas ruas, nos skateparks, é foda demais! Skateboarding is the best!

Você visitou o Brasil no passado. Que relação você tem com nosso país?

Sim, eu já fui para o Brasil várias vezes. Eu sou metade Noruegues e metade Brasileiro. Meu pai é do Brasil, mas mudou para a Noruega quando tinha 18 anos para jogar futebol. Ele nunca voltou, mas estamos tentando voltar uma vez por ano, pelo menos. Eu realmente não voltei por algum tempo, mas eu vou fazer isso acontecer neste ano, com certeza! Eu estarei no Brasil em outubro, eu acho!

Eu sabia que tinha algo do Brasil em você; Um brasileiro reconhece outro, mesmo aqueles que são só metade BR… (risos) Fale sobre sua amizade com skatistas brasileiros.

Encurtando a história:

Meu pai tem uma pequena casa em Praia Grande e, quando eu era mais jovem, sempre passamos a maior parte do tempo lá, ‘chillin’. Mas é claro que ele me levou para todas skateparks e skateshops ao redor. Foi assim que conheci Guega Cervone! Ele me apresentou a todos seus amigos – Akira, Leo, Gordino… – todos os caras da Evolution Skateshop em Santos. E eu comecei a ir para SP, para andar de skate lá. Conheço Klaus, Cotinz, etc., a lista é longa. A cena do skate no Brasil é muito boa, todos cuidam de todos! É muito foda! Te amo, putinhas!

E o Thaynan, encontrei primeira vez nos campeonatos europeus na Basileia. Lembro que ele não podia falar uma palavra em inglês. Mas eu posso conversar um pouco (em português), pelo menos, eu posso entender quase tudo. Então eu andei até ele e comecei a falar as palavras que eu conhecia naquele momento (apenas palavrões), mas mantemos contato desde então. Agora ele é como um irmão para mim, viajamos muito juntos e também andamos para a mesma marca de shapes (enjoi). Te amo, putinha!

Só gente boa… Obrigado pela entrevista, Deedz.

Obrigado você. Um ‘salve’ para todos os meus amigos. Vejo vocês em breve!

(EN) Apparently, in addition to the warm weather, having fun is also key to your skateboarding.

Yes fun pays a big roll in skateboarding, thats whats make me wane do it everyday you know. I love it! You with your friends skating all day having fun in the streets, in the parks its so sick! Skateboarding is the best!

You’ve visited Brazil in the past. What relationship do you have with our country?

Yes I have been to Brasil multiple times, I’m half Brazilian half Norwegian. My dad is from Brazil but moved to Norway when he was 18 years old to play soccer, he never moved back, but we are trying to at least go back once a year. I actually haven`t been back for a while now, but I’m gonna make it happen this year for sure! I’ll be in Brazil around October I think!

I knew there was a little bit of Brazil in you; Brazilians recognize one another, even those who are only half BR … (laughs) Talk about your friendship with Brazilian skaters.

Long story short:

My dad has a little house in Praia Grande, and when I was younger we always spent most of the time there chillin, but of course he took me to all the skateparks and skateshops around the area and that`s how I meet Guega Cervone! He introduced me to all of his friends (Akira, Leo, Gordino…), all the boys at Evolution Skateshop in Santos. And I started going to SP to skate there. I meet Klaus, Cotinz etc., the list is long. And the skate scene in Brazil is super good, everyone takes care of everyone! It’s super sick! Te amo putinhas!

And Thaynan I meet the first time at the European championships in Basel, I remember he couldn’t say a word in english. But I can talk a little bit, at least I can understand almost everything so I just walked up to him and started telling him the words I knew at that time (only bad words) but yes we kept in contact ever since, and now he is like a brother to me, we travel a lot together and also skating for the same board brand (enjoi)! Te amo putinha!

Just good guys… Thanks for the interview, Deedz.

Thank you. Cheers to all my friends. See you soon!

OYE_Didrik-Galasso-interview_photo-by-Thaynan-Costa-road-02


___
___

RELATED ARTICLES